Make Difference

ELES FAZEM A DIFERENÇA.

Conheça mais sobre as CAUSAS e as intituições.

  • Animais
  • Autismo
  • Meio Ambiente
  • Câncer Infantil
  • Fome
  • Deficientes físicos
  • Idosos
  • Câncer de mama
  • Abuso infantil
  • Deficiência Intelectual

Segundo a Organização Mundial da Saúde no Brasil, temos cerca de 30 milhões de animais em situação de abandono.

Encontrar cães e gatos sem lar ficou cada vez mais comum em nosso dia-a-dia, muitos já vieram de uma situação de maus tratos, outros acabam sofrendo após o abandono.

É importante desmistificar a ideia que a população tem em relação aos animais sem dono.

Adotar é uma questão importante, muitas ONG’s resgatam os animais, fazem a castração, encaminham à um veterinário e também realizam o trabalho de vermífuga nos bichinhos, após este processo eles estão prontos para receberem um novo lar.

É importante atentar-se para alguns detalhes: estes animais provavelmente sofreram com algum evento traumático, mesmo depois dos cuidados realizados pela ONG, eles ainda podem apresentar sequelas emocionais, por este motivo é muito importante não apenas adotar, mas sim dar muito amor e carinho.

O Transtorno do Espectro Autista (TEA) popularmente conhecido apenas por autismo, são transtornos que afetam o desenvolvimento da linguagem, comunicação, interação e também no comportamento social. Os sinais aparecem antes dos 03 anos de idade, porém com uma intervenção precoce, quem tem autismo pode ter grande avanço em seu desenvolvimento.

Alguns dos sinais que podem ser observados são: Gosto por empilhar e alinhar objetos, correr de um lado para o outro e balançar as mãos para cima e para baixo. Hábito de cheirar objetos e alimentos, hipersensibilidade na visão, audição, tato e paladar. As crianças com autismo também costumam querer impor suas rotinas e rituais, pois a previsibilidade os tranquilizam. Muitos não iniciam a fala antes dos 03 anos, e alguns podem repetir aquilo que escutam (ecolalia).

Por se tratar de um espectro, o autismo engloba diferentes níveis de funcionamento e transtornos, são eles:

• Transtorno do Espectro Autista (que devido as mudanças recentes e dos principais manuais de diagnóstico, é o termo que abrange todos os outros);
• Condição do Espectro do Autismo;
• Autismo Clássico;
• Transtorno Invasivo do Desenvolvimento;
• Autismo Kanner;
• Autismo de Alto Funcionamento;
• Demanda Patológica Avoidance;
• Síndrome de Asperger.

A Organização Mundial da Saúde estima que o Brasil tenha mais de 2 milhões de pessoas com algum tipo de autismo, isso indefere em relação à sexo ou etnia, porém o número de ocorrências é maior entre o sexo masculino (cerca de 4,5 vezes).

Tudo aquilo que está ao seu redor pode-se dizer que faz parte do meio ambiente, todos os seres vivos e não-vivos, toda vegetação, micro-organismos, solos, rochas, e até fenômenos naturais que ocorrem no planeta.

Entre as questões mais preocupantes sobre o meio ambiente está o desmatamento, que está prestes a atingir o limite máximo para que as regiões da floresta tropical passem por mudanças irreversíveis, tornando-as semelhantes as regiões de cerrado, acarretando em vegetação escassa, rala e também em uma baixa biodiversidade.

Estima-se que a Amazônia tenha cerca de 20% de área desmatada, este número equivale a 1 milhão de quilômetros quadrados.

Outra grande preocupação com relação ao meio ambiente, é a preservação das espécies que estão em risco de extinção, são muitos animais das mais diversas espécies que devido ao desmatamento, tráfico de animais, queimadas, caça predatória e poluição, resulte em extinção, ou seja, risco de desaparecerem do planeta.

Estima-se que cerca de 1150 espécies estão ameaçadas.

O câncer infantil no Brasil é a segunda maior causa de morte de crianças e adolescentes de até 19 anos, apenas deixando para trás acidentes e violência.

Entre os tipos mais comuns de câncer em nossas crianças, estão a leucemia, tumores do sistema nervoso central e linfomas.

Segundo o instituto nacional de câncer, no último ano foi previsto que 12,5 mil crianças seriam diagnosticadas com câncer no país e aproximadamente o mesmo número previsto para o próximo ano (2019), número 13% maior do que o comum há 20 anos atrás, isto indica o crescimento da doença no Brasil.

Crianças diagnosticadas precocemente têm uma chance maior para superar a doença, por isso médicos aconselham que os pais fiquem atentos aos sintomas. Além de um diagnostico precoce, um tratamento multidisciplinar é de extrema importância, além de muito apoio emocional da família.

O Brasil é um país de grande extensão territorial e apresenta um grande potencial agrícola, mas isso é irrelevante uma vez que cerca de 32 milhões de pessoas passam fome e 65 milhões não ingerem a quantidade diária mínima de calorias, ou seja, se alimentam de forma precária.

A fome faz parte do convívio de um número alarmante de pessoas, uma vez que ela se faz presente em pequenas, médias e grandes cidades, e também no campo.

Juntos temos o poder de alimentar quem precisa a um preço justo, 10% do valor das vendas dos relógios de cor preto vão para apoiar o projeto realizado pela Ação Social do Paraná (ASP), que com auxílio de nutricionistas oferecem refeições de qualidade à um preço mínimo.

Segundo fontes do IBGE 6,2% da população brasileira possuem algum tipo de deficiência.

A PNS (Pesquisa Nacional da Saúde) considera os seguintes tipos de deficiência: intelectual, visual, física e auditiva.

Dentre as citadas está a deficiência motora, que se qualifica por qualquer défice ou anomalia que tenha como consequência uma dificuldade, alteração e/ou a não existência de um determinado movimento considerado normal no ser humano.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde é considerado idoso todo indivíduo com 60 anos ou mais.

Nos últimos 10 anos, o Brasil ganhou cerca de 8,5 milhões de cidadãos acima dos 60 anos de idade, esta parcela da população deve chegar a 38 milhões em 2027.

O envelhecimento é um processo natural que acontece de forma individual e gradativa. Com o tempo ocorrem modificações fisiológicas, e psicológicas no organismo de cada indivíduo, gerando graus distintos de dependência.

O câncer de mama é o mais comum entre as mulheres brasileiras, e também o mais fatal.

Cerca de 59,7 mil pessoas são diagnosticadas com a doença anualmente.

Estima-se que uma a cada 9 mulheres será diagnosticada com câncer de mama durante sua vida, mas é válido lembrar também que embora os números sejam menores (cerca de 1%), este câncer não é de exclusividade feminina e pode afetar também os homens.

A gravidade do abuso infantil está em como esse fato condiciona o desenvolvimento psicológico da criança, posto que proporciona respostas negativas a estímulos externos e, portanto, a criança tem grandes chances de cultivar relações saudáveis.

Fundada em 1967, a Afece é uma instituição sem fins lucrativos que oferece atendimento gratuito a aproximadamente 225 cidadãos com deficiência de alta especificidade nas áreas da educação, saúde e assistência social. Hoje são beneficiadas crianças, adolescentes, jovens e adultos com deficiência intelectual com acentuado grau de comprometimento, a partir de 03 anos à idade adulta, de ambos os sexos, caracterizada pela área médica como deficiência intelectual severa, principalmente, expostos à condições de vulnerabilidade social que os colocam em situação de risco.
O objetivo da nossa escola é oferecer uma formação completa para os cidadãos com deficiência, além de trabalhar a comunicação, o desenvolvimento sócio emocional, a cognição, psicomotricidade e outros elementos.

Fechar Menu
×
×

Carrinho